Inferno - Dan Brown


Primeiro eu gostaria de falar que o livro não tem nada de demoníaco (exceto que você considere uma leve, quase inexistente, crítica à igreja algo demoníaco). Segundo, o livro não é sobre o inferno, mas faz certas menções ao mesmo. Ok, deixando isso bem claro podemos falar desse livro que me deixou bastante estupeficado em relação com o tema (que é algo quase real) mas também maravilhado com a ação e mistério que envolvem a trama e também com o número de artes reais que são visitadas na estória. A mesma se passa no nosso mundo, apesar de ser fictícia, e conta com a  a presença de vários personagens reais e lugares também reais.

Muitas coisas fizeram eu ter um amor enorme por esse livro (não só pelo fato de ser meu presente de namoro <3), como o desenvolvimento da psique dos personagens (que é completo e genial), mistérios que te prendem ao livro, e situações de angustia que fazem você suar frio. Inferno é um livro de uma das mais consagradas série do Dan Brown, você não precisa ler os livros em ordem cronológica para entender o enredo, sequer precisa ler todos pois eles são meio que independentes um do outro, mas há uma conexão muito forte entre os títulos, como personagens repetidos, o próprio personagem principal e citações de situações pela a qual ele já passou.


A narrativa do livro é outro ponto extremamente positivo, não é algo empolgante como um livro de ação constante, mas é algo que te prende por causa do mistério, do desconhecido. O pensamento que eu mais tinha enquanto o lia era:" Meu Deus, o que vai ocorrer depois disso?" O enredo desse livro é algo em constante movimento, sempre muda a visão dos eventos, sempre muda a situação, sempre muda tudo, e quando digo tudo...acredite, é tudo mesmo.

Um bom apreciador de artes renascentista, um professor/estudante de história entre outros vão amar mais ainda esse livro, o número de referencias e descrições de obras de artes são muitos. Foi um ponto desse livro que eu amei e odiei ao mesmo tempo, pois em vários momentos ele corta a narração do fato para descrever a obra de arte que está sendo vista pelos personagens. Algumas vezes é necessário, em outras corta toda a onda da leitura.



Então é isso pessoal, espero que tenham curtido a minha segunda postagem no blog. Comentem e digam o que vocês acharam, se vocês já leram esse livro ou se já tinham a vontade, etc. Obrigado pela visita nesse blog mais divoso do Brasil e até a próxima.

2 comentários:

  1. Eu já li alguns livros dele mas não sou muito fã da sua literatura não. Gostei do post e com certeza também irei ler esse mesmo que seja pra não gostar rs :*

    http://www.cherryacessorioseafins.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia esse, vai que tu gosta dele. E senão, o que vale é experiência :D

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...